Banco de sangue precisa de doadores

Por: Redação Tribuna

Terça Feira, 12 de Setembro de 2017


Texto: A - A A +
Compartilhar:

O Banco de Sangue do Hospital Santa Teresa funciona em estado de alerta. Desde o início deste mês pouco mais de 40 doações estão sendo feitas por dia, quase a metade do ideal que são de 80 doações. Segundo o captador de doadores Rodrigo Moreira, o feriado prolongado agravou a situação. Além disso, os acidentes de trânsito, e pacientes que precisam diariamente de transfusões continuam precisando de ajuda. Outro fator alarmante é que quando separado em quatro componentes, podendo ser utilizado em quatro pacientes diferentes, um desses componentes do sangue tem “prazo de validade” de apenas cinco dias, o que torna as novas doações essenciais.

Todos os tipos sanguíneos são necessários, porém o A e O negativos são os mais necessários. Isso porque nesse momento muitos pacientes A- que precisam de transfusões de sangue rotineiramente estão internados, e eles só podem receber doação do mesmo tipo sanguíneo ou de O-, que é o famoso doador universal. Mas apesar dele conseguir ser utilizado em qualquer pessoa, só pode receber doação dele mesmo. Isso torna sua utilização frequente em vítimas de acidentes que se encontram em estado grave, pois nesses casos não há tempo hábil de tipificar o sangue do paciente. 

Na tentativa de incentivar as doações neste sexta-feira terá início a Campanha Bota Sangue, realizada pela torcida de futebol do Botafogo. O Banco de Sangue Santa Teresa é responsável por fazer, em média, 650 transfusões por mês e atender hospitais das redes pública e privada em Petrópolis e região, e por isso precisa de pelo menos 80 doações por dia para atender a demanda com segurança. 

“Para ser doador não é necessário estar em jejum. Devem ser evitados apenas alimentos gordurosos e derivados do leite três horas antes da doação. Doar sangue não engorda, não emagrece, não afina e nem engrossa o sangue. O volume é reposto naturalmente pelo organismo 24 horas após a doação”, explicou Rodrigo. 

O banco de sangue do HST funciona diariamente das 7h às 18 horas, inclusive domingos e feriados. Com exceção do domingo de Páscoa quando o estaço estará fechado. A unidade está localizada no térreo do Hospital Santa Teresa, na rua Paulino Afonso, 477, bairro Bingen. O local possui estacionamento para doadores. Mais informações pelos telefones (24) 2245-2324 ou (24) 99269-4355. 



Cratera: Defesa Civil analisa documentação enviada...

Técnicos da Secretaria de Defesa Civil e engenheiros da Secretaria de Obras começaram a avaliar nesta terça-feira (14.11) os 6.76...

Disparo acidental de arma fere adolescente

Um adolescente de 15 anos foi baleado acidentalmente na cabeça na noite da última segunda-feira, por volta das 20h30, na Rua Nossa Senho...

Polícia Civil continua investigando roubo na Ricar...

A Polícia Civil segue investigando o roubo à loja Ricardo Eletro, localizada na Rua do Imperador, registrado na última quarta-fei...

Confira preços de materiais escolares em diferente...

Enquanto a garotada curte as férias, pais e responsáveis percorrem as papelarias da cidade atrás dos melhores preços para...

Falta de acessibilidade até nas ruas do Centro

Pode não parecer, mas a falta de acessibilidade em Petrópolis não se resume apenas aos distritos e bairros distantes. Até...

Número de vítimas de acidentes de trânsito cresce...

O número de atendimentos a vítimas de acidente de trânsito em Petrópolis subiu mais de 43% de janeiro a outubro deste ano....