Como Acontece o Processo de Desumanização

Por: Diana Bonnar

Quarta Feira, 18 de Outubro de 2017


Texto: A - A A +
Compartilhar:
imagem noticias

Algumas pessoas me perguntam de que forma estudar e saber mais sobre o processo de desumanização está relacionado com a construção da paz. Não deveríamos falar sobre soluções, construção de empatia e rodas de cura? A minha resposta para essa pergunta é: temos como curar uma doença, sem entende-la profundamente? Saber construir um ambiente onde o vírus ou bactéria não conseguem se proliferar é fundamental para prevenir doenças e contágios. O mesmo acontece com a promoção da paz.

Para estudar a paz é preciso olhar para as feridas da humanidade, para toda sua dor e atrocidades. Não, não é um processo fácil e nem prazeroso. Mas é fundamental para desenvolver iniciativas que de fato transformem as raízes do problema. Atuar na superfície e lidar com as consequências é um mero paliativo fadado ao fracasso temporal.

Um dos temas quero explorar aqui é a processo de desumanização. Já ouviu falar sobre isso? Já fez parte desse processo?

A desumanização é um processo psicológico que demoniza o inimigo, fazendo com que pareçam menos humanos, e por sua vez, não merecedores de tratamentos humanos. Esse processo aumenta a violência, violação de direitos humanos, crimes de guerra e genocídios. Geralmente desumanizamos aqueles que percebemos como uma ameaça ao nosso bem estar ou aos nossos valores. Em uma situação de conflito os sentimentos de raiva, medo e desconfiança moldam a forma como um grupo percebe o outro. E o oponente começa a ser descrito como perigoso, monstruoso, com ausência de valores morais etc.

No vídeo abaixo você encontra a explicação mais detalhadas e com exemplos.

 Abaixo mais bibliografia para estudo:

 O Processo de Desumanização e o Papel Pedagógico dos Operadores de Segurança Pública

http://palavracoes.com/portal/artigos/rosa_maria_almeida1.pdf

Dehumanization, Genocide, and the Psychology of Indifference

Understanding the psychology of dehumanization.

https://www.psychologytoday.com/blog/philosophy-dispatches/201112/dehumanization-genocide-and-the-psychology-indifference-0

 Maiese, Michelle. "Dehumanization." Beyond Intractability. Eds. Guy Burgess and Heidi Burgess. Conflict Information Consortium, University of Colorado, Boulder. Posted: July 2003 <http://www.beyondintractability.org/essay/dehumanization>.


Veja mais no blog da Di

Esta apresentação reflete a opinião pessoal do autor sobre o tema, podendo não refletir a posição oficial do Jornal Tribuna de Petrópolis.

E agora...

O grande poeta brasileiro, Carlos Drummond de Andrade escreveu o poema “José”, que começa “E agora, José? / A f...

O que você ganha? O que você perde? Para alcançar...

O que você ganha? O que você perde? Para alcançar seus objetivos, você precisa saber.Vamos recapitular o que vimos até...

Papo de Pescador

Bom dia aos pescadores e pescadoras de plantão... bom dia também à todos aqueles que admiram esta arte. Finalmente um espa&ccedil...

Lava Jato, PF e eleições na cidade

Desde a semana passada estamos sendo bombardeados por matérias sobre a prisão dos ex-governadores Sergio Cabral e Anthony Garotinho, e t...

O QUE EU DESEJO AOS MOTOCICLISTAS PARA ESTE NOVO A...

Certamente que todos vocês já ouviram que, para toda regra sempre há uma exceção.Pois bem... Todo motorista pro...

Prendam suas cabritas que meu Uber está solto

Preparando o artigo da coluna desta semana sobre a nossa última viagem, deparei-me na internet com uma viagem rotineira, de volta para casa, qu...