Dia das Crianças: lojistas prontos para atender quem ainda não comprou o presente

Por: Thaciana Ferrante

2 meses atrás


Texto: A - A A +
Compartilhar:
imagem noticias
Foto: Marco Oddone | Tribuna de Petrópolis

Até o fim da tarde desta terça-feira (10) 169 empresários da cidade haviam protocolado junto ao Sindicato dos Empregados do Comércio, o termo de adesão para poder abrir as lojas na próxima quinta-feira, Dia de Nossa Senhora da Conceição Aparacida e das Crianças. Quem trabalha no setor comemora o aumento nas vendas, e aposta que o maior movimento nas vendas será registrado entre hoje (11) e o dia 12. Os comerciantes que ainda não protocolaram o documento têm até hoje às 17h para realizar o procedimento, e assim ter autorização para funcionar no feirado.

Ao que tudo indica o Dia das Crianças este ano será marcado pelas famosas lembrancinhas. A média do que tem sido gasto pela maior parte dos consumidores nos presentes é de R$ 30 à R$ 50, quando quem presenteia são amigos ou parentes mais distantes, e de até R$ 100 quando são os pais, avós ou familiares mais próximos. 

“As pessoas não deixam de presentear, mas estão gastando menos! Aqui na loja as roupinhas estão saindo mais e o movimento já aumentou 40% nos últimos dias. Apesar disso, temos certeza que amanhã e quinta as vendas serão melhores”, disse o empresário Roberto Cury. A autônoma Gabriella Teixeira, foi ao local pesquisar preço e gostou de algumas peças para comprar para a filha de seis anos.

“Ela pediu brinquedo mas vou dar roupas porque é o que ela está precisando. Apesar de ser uma data importante para os pequenos, acredito que nós como pais temos que ser sensatos e comprar aquilo que de fato é necessário. Ainda mais em um momento de crise como o que vivemos atualmente”, disse. 

Apesar da economia retraída os avós estão podem tudo. É o que diz a camareira Celma Silva de Lima, que ontem levou os netos de 5 e 6 anos para pesquisar preços e escolher os presentes do dia tão esperado. Ao serem questionados sobre as preferências os irmãos não titubearam, a menina quer roupas estilosas para andar fashions nas ruas da cidade, e o menino claro, se empolgou mesmo foi com os brinquedos radicais. 

“Eu adoro presentear meus amores! Deixo eles escolherem livres, mas andamos bastante pela cidade em busca dos melhores preços. Acho que é uma data muito especial para eles e por isso nada mais justo que presenteá-los de acordo”, disse divertida.

Na loja da empresária Rosane Ferreira as vendas também estão a todo vapor e prometem esquentar ainda mais hoje. “Não tem jeito! A maior parte das pessoas deixa para comprar na última hora. Mas estamos preparados e contando com o bom movimento. Apesar de ser o ano das lembrancinhas as pessoas estão fazendo questão de garantir ao menos um mimo para os pequenos. Os brinquedos são preferência e estão vendendo bem. Por isso vamos abrir no dia 12 e atenderemos até a hora que tiver movimento”, disse animada. 

Ainda segundo o sindicato pelo menos 100 lojas da Rua Teresa vão atender os compradores de última hora, 33 na Rua Aureliano Coutinho, 15 na Rua do Imperador e oito no polo de moda do Bingen.


Revitalização do Centro dificilmente será concluíd...

Dez anos após o início do processo de reurbanização do Centro Histórico e a obra ainda não foi finalizada. Em agosto, a prefeitura havia divulgado que a &uacu...

Coral das Princesas de Petrópolis abre inscrições...

Estão abertas as inscrições para o preparatório 2017 do Coral das Princesas de Petrópolis. Qualquer menina, a partir de oito anos até o 3° ano do Ensino M...

Doze palestras confirmadas no Tedx Petrópolis

Estudantes do ensino médio, universitários, empresários do setor de tecnologia e professores já podem fazer a inscrição para a 2ª edição do...

MPT rejeita uso de cooperativa

O Ministério Público do Trabalho (MPT) está questionando a Prefeitura sobre a forma de contratação dos funcionários das Unidades de Pronto Atendimento (UPAS)...

Grupo fará ato pela democracia

Com o objetivo de se posicionar contra o impeachment, diversas instituições, artistas e partidos políticos promovem hoje, a partir das 14h, na Praça da Liberdade, um ato de...

Números da Firjan mostram reflexos da crise na ind...

Pesquisa divulgada ontem pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro mostra que, em meio à grave crise econômica do país e, especialmente, do Est...