Saúde promove ações de incentivo à amamentação

4 meses atrás


Texto: A - A A +
Compartilhar:

Petrópolis também aderiu ao Agosto Dourado, de incentivo ao aleitamento materno. A Secretaria de Saúde iniciou ontem (10) uma ação de incentivo à amamentação junto às unidades de saúde do município. As primeiras atividades ocorreram no Hospital Alcides Carneiro (HAC), maior maternidade da região com média de 250 partos mensais e especialização em atendimento às gestantes com gravidez de alto risco. Também haverão ações de incentivo à amamentação junto às UBSs e PSFs.

“O incentivo à amamentação e o vinculo materno é preconizado nas estratégias da Rede Cegonha. Além da programação desenvolvida pelo Hospital Alcides Carneiro, a Secretaria de Saúde promoverá junto às equipes da Atenção Básica atividades junto aos grupos de apoio e as gestantes acompanhadas pelos postos. Cada unidade criará sua programação de acordo com o perfil do seu território. Teremos palestras, oficinas, mamaço entre outras atividades para as mães”, anuncia Fabíola Heck, superintendente de Atenção em Saúde.

De janeiro a junho 1.841 gestantes deram à luz na unidade. Com uma média de 250 partos por mês, a maior maternidade do município com 48 leitos é referência em atendimentos às gestantes com gravidez de alto risco. A unidade conta ainda com 10 leitos de UTI neonatal.

“A nossa maternidade é uma referência e responsável pelo grande volume de atendimento desde o pré-natal até o parto. Iniciativas como essas serão promovidas sempre integradas com a Secretaria de Saúde para que as mães tenham a continuidade do atendimento oferecido na atenção básica também no hospital”, avalia Filipe Furtuna, diretor do HAC.


Programação inicia com cantata para as mães 

Um grupo de funcionários do Hospital Alcides Carneiro promoveu uma cantata para as mulheres internadas na maternidade e UTI neonatal. Com uma música que incentivava a importância do aleitamento materno, muitas mães se emocionaram com a apresentação no local. Esse foi o caso de Bianca Raymundo da Costa, que deu a luz ao pequeno Gabriel no dia 08.

“Eu não esperava encontrar esse tipo de atendimento. Desde que cheguei a equipe da maternidade me abordou e já me explicou muitas coisas para me preparar para a chegada do Gabriel. Após o nascimento elas me ensinaram como amamentar, a posição que dá mais conforto, gostei muito da atenção”, disse Bianca Raymundo da Costa.

A coordenadora da maternidade, Lorena Sabbadini explica que as orientações sobre como amamentar é uma rotina de atendimento e afirma que até o fim do mês ocorrerão diversas atividades na unidade para as mães que se internarem ao longo das semanas.

“Estamos programando um mamaço na próxima semana, mas teremos oficina de shantala que é uma massagem que acalma o neném, oficina de sling que é uma técnica para carregar o neném, workshop, roda de conversa, entre outras atividades. O agosto dourado é uma ação mundial e que este ano estamos abraçando e esperamos que as ações possam chegar a todas as redes de atendimento”, afirma Lorena Sabbadini.




ANS disponibiliza central de atendimento para defi...

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) anunciou nesta segunda-feira (21) o lançamento de uma central para atendimento especializado a deficientes auditivos. Por meio do n&ua...

Jejum prolongado poderá ser dispensado em exames d...

Em decisão recente, diversas organizações da área médica optaram por flexibilizar a necessidade de jejum de 12 horas para exames de sangue de perfil lipídico...

Invista no alívio da massagem

Coloque o seu parceiro em uma posição sentada confortável.1 - O que é importante é que as costas dele possa estar confortavelmente reta. Você também dev...

Ação conjunta do governo federal oferece nova chan...

O esforço conjunto do Governo Federal para garantir a logística de órgãos para transplante já salvou 12 vidas. Em três semanas de vigência do decreto pre...

Rio 2016: Austrália vai distribuir preservativos e...

O Comitê Olímpico Australiano informou que vai disponibilizar aos atletas de seu país preservativos especiais com proteção contra o vírus Zika, durante a perma...

Vírus Zika atinge 268 grávidas no estado do Rio

O estado do Rio de Janeiro confirmou 268 casos do vírus Zika em grávidas desde novembro do ano passado. A Secretaria Estadual de Saúde esclareceu, no entanto, que ainda não...