SUS vai oferecer próteses, cadeiras de rodas e andadores a partir de agosto

4 meses atrás


Texto: A - A A +
Compartilhar:
imagem noticias
Foto: Divulgação | Tribuna de Petrópolis

Petrópolis deu um passo importante na assistência aos portadores de deficiência. A partir da primeira quinzena de agosto, a população poderá solicitar gratuitamente materiais ortopédicos – órteses e próteses, e meios auxiliares de locomoção – muletas, cadeiras de rodas e andadores nas Unidades Básicas de Saúde e Postos de Saúde da Família. O sistema de entrega, que antes era realizado pela Assistência Social, passa ser regulado pela Secretaria de Saúde ampliando para mais de 100 itens disponíveis na tabela SUS. 

Uma equipe da Secretaria de Saúde esteve nesta quarta-feira (20.07) em uma capacitação junto à Secretaria de Saúde de Niterói para iniciar o processo de implantação do sistema de regulação. O fornecimento dos materiais ortopédicos ocorrerá através da Associação Fluminense de Reabilitação (AFR) que formalizou uma parceria junto à prefeitura de Petrópolis na última quinta-feira (13.07).

O secretário de Saúde, Silmar Fortes, explica que o processo de regulação foi priorizado atendendo a uma solicitação do prefeito Bernardo Rossi. Estima-se que 15% dos moradores de Petrópolis tenha algum tipo de deficiência.

“Essa conquista é de grande importância para o município que agora proporcionará mais acessibilidade e independência a essa população. Vamos iniciar os fluxos e protocolos para a implantação para que em agosto todos àqueles que necessitarem de cadeiras de rodas, de banho, entre outros materiais de locomoção ou ortopédico possa solicitá-lo, apresentando um laudo médico, junto aos postos e unidades de saúde”, anuncia Silmar Fortes.

A superintendente de Regulação, Controle e Avaliação, Adriana Vogel reforça que o acesso ao serviço de concessão de órteses, próteses e meios auxiliares de locomoção é feito por meio da Central de Regulação da Secretaria de Saúde. 

“Quem precisa adquirir o primeiro equipamento ou trocar o aparelho deve procurar uma unidade de saúde para obter um encaminhamento médico. No caso de pacientes internados, o próprio médico que atende o paciente faz o encaminhamento para a unidade. Esse encaminhamento será cadastrado e o material solicitado à AFR que tem de 60 a 90 dias para realizar a entrega”, explica Adriana Vogel.

Uma das metas do governo é implantar, em longo prazo, um Centro Especializado em Reabilitação. A superintendente de Atenção à Saúde, Fabíola Heck explica que a criação do projeto entrará no Plano Municipal de Saúde da atual gestão.

“Implantar uma unidade do CER requer um estudo cuidadoso de viabilidade que envolve principalmente uma estimativa de custos. Então iremos colocar no Plano Municipal para que tenhamos essa meta ao longo do governo. O principal objetivo desta primeira etapa, com a regulação dos materiais ortopédicos é dar ao paciente maior independência e autonomia em todos os aspectos de sua vida. O importante é que ele compreenda o que aconteceu com seu corpo e perceba que pode reestruturar sua vida utilizando uma cadeira de rodas ou outro meio auxiliar para sua locomoção”, comenta Fabíola Heck.

O superintendente da Associação Fluminense de Reabilitação, Telmo Holz se disponibilizou a auxiliar o município a criar um estudo de implantação do Centro Especializado em Reabilitação.

“Nós podemos trazer um modelo de gestão para Petrópolis para implantar uma unidade do CER no município, mas é preciso realizar um estudo criterioso. A população já está ganhando mais velocidade, assertividade e qualidade na parceria que firmamos com o fornecimento órteses (aparelho que auxilia e corrige um órgão ou função deficiente), próteses (aparelho que substitui a perda de um segmento do corpo) e mei

Alimentos podem combater depressão

A depressão, um transtorno mental muito comum no mundo atual, afeta mais de 13 milhões de brasileiros. Segundo dados da Organizaç...

Ministério da Saúde não regularizou a entrega de s...

Os atrasos na distribuição de vacinas e soros por parte do Ministério da Saúde (MS)foi denunciado ao Conselho Municipal de...

Petrópolis recebe eventos sobre Otorrinolaringolog...

Com o objetivo de oferecer aprimoramento e reciclagem sobre as patologias otorrinolaringológicas e imunológicas, a Faculdade Arthur S&aa...

Vacina contra dengue já pode ser comercializada no...

Após sete meses registrada na Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a vacina contra a dengue já pode ser comercia...

Igreja Metodista Wesleyana da Mosela promove campa...

A Igreja Metodista Wesleyana da Mosela promove entre os dias 11 e 19 a campanha "Desperta Débora da Veia". O objetivo é mobili...

Número de fumantes passivos no trabalho cai 34,4%...

A Lei Antifumo – que proibiu o ato de fumar em locais totalmente fechados – completa cinco anos nesta quinta-feira (15). Desde a cria&cced...